28 de nov de 2011


Florânia 27 de Novembro de 2012

Muitos quando vão a Florania voltam inspirados e escreve o sentem em versos. E eu não vou ficar fora desta por isso resolvi também em poucas palavras deixar minha homenagem.

A vida aqui na pequena cidade é como se parasse e pudéssemos voltar ao passado onde pela manha podemos ir pra feirinha, à tarde as pessoas conversando na rua, o verde da cidade, a vida nos montes e o cantar dos rouxinóis.
Florania é bom demais, cidade das flores  cidade da paz. Letra que o meu primo Dotinho escreveu.
Quem não se encanta com a nossa pequenina?
Passear em sua pracinha  e sentir o perfume das flores nos campos.
Suas casas com resquício de uma cultura européia, e quando olhamos pro alto vemos a sua igrejinha no Monte.
Florania minha pequenina
Na minha infância eu brincava na chuva
Na minha adolescência bailava em suas festas
E agora quando cheguei a maturidade junta com minha família pude viver momentos de saudosas lembranças. 
Que jamais serão esquecidas.

( Nayara Toscano)